198 Livros: Eritreia – As Consequências do Amor

0 Flares 0 Flares ×

198 Livros - EritreiaEu sabia que As Consequências do Amor, do escritor Sulaiman Addonia, não seria o melhor livro para representar a Eritreia, mas não havia outra opção. Eu o li há um tempinho e de lá para cá até foi publicado outro livro de autor eritreu que poderia ser mais interessante, mas na época do sorteio não parecia haver realmente mais nada. Na falta de um livro mais adequado, fiquei com o que eu sabia que me falaria pouco do país, mas que pelo menos havia sido publicado no Brasil.

As Consequências do Amor é narrado por Naser, um jovem eritreu que vive em Jidá, na Arábia Saudita. Ele tinha apenas 10 anos quando foi obrigado a fugir de seu país natal junto com o irmão, que na época tinha 3 anos. A mãe não pôde acompanhá-los, mas fez de tudo para que os filhos ficassem a salvo da guerra que assolava a Eritreia. Durante 30 anos os eritreus lutaram para se separar da Etiópia. A independência ocorreu em 1993, mas outro conflito surgiu pouco depois por divergências na delimitação de fronteiras. Ainda hoje a relação é conturbada e o risco de guerra sempre eminente. O Chifre da África, que engloba Etiópia, Eritréia, Somália e Djibuti, é uma das regiões mais pobres e também mais instáveis do mundo, geopoliticamente falando.

As Consequências do Amor - Sulaiman AddoniaNós somos apresentados a Naser em julho de 1989. Ele tem 20 anos e trabalha em uma lavadora de carros. Após a fuga, ele e o irmão foram morar em Jidá com um tio fanático religioso. Naser não conseguiu se submeter ao modo de vida do tio e resolveu trilhar seu próprio caminho. Sentado sob a palmeira em frente ao seu prédio, ele sonha em buscar sua mãe na Eritreia e também em se apaixonar. Mas como isso irá acontecer em uma sociedade que segrega homens e mulheres? A vida em Jidá é tão diferente da sua saudosa Eritreia.

A cidade está ficando vazia, as famílias viajam de férias para escapar do calor opressivo. Os homens caminham na rua em suas thobes brancas e as mulheres em suas abayas pretas. Enquanto isso, Naser se entedia e anda constantemente com medo da polícia religiosa. Aos poucos vamos conhecendo seu passado e a série de humilhações pelas quais passou em tão pouco tempo de vida. Nada é fácil para um imigrante como ele.

Eu sempre penso nas restrições impostas às mulheres na Arábia Saudita a partir da perspectiva delas, mas nunca havia parado para pensar em como isso afeta aos homens. Num mundo em que as mulheres vivem cobertas literalmente dos pés à cabeça, como as relações entre sexos diferentes se desenvolvem? Naser se envolve com uma garota e esse amor proibido ocupa a maior parte do enredo do livro, mas ele fala também da exploração sexual de meninos e da difícil situação dos imigrantes.

Com certeza muito da história de As Consequências do Amor traz memórias da vida do próprio autor, Sulaiman Addonia. Filho de mãe eritreia e pai etíope, ele passou a infância num campo de refugiados no Sudão, fugindo dos conflitos na Eritreia. Assim como Naser, ele passou a adolescência na Arábia Saudita, até buscar asilo no Reino Unido, em 1990.

A Eritreia a gente acaba conhecendo apenas pelas lembranças de Naser e principalmente através das diferenças entre seu país de origem e a Arábia Saudita. Como eu disse, eu já sabia que o livro não seria o mais indicado, mas só por me fazer procurar a Eritreia no mapa e pesquisar um pouco sobre a história do país, ele cumpriu sua função no Projeto 198 Livros.

As Consequências do Amor foi publicado originalmente em inglês, em 2008, e em português em 2009, pela editora Record. A tradução é de Flávia Rössler. O livro está disponível na Amazon.

Mais um livro de um escritor eritreu:

  • Gratitude in Low Voices: A Memoir, Dawit Gebremichael Habte

Saiba mais sobre o Projeto 198 Livros.

O post contém links para programas de afiliados. Leia a política de monetização do Viaggiando.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Continue Viaggiando:

3 Comments

  1. Foi o melhor que se conseguiu na época! Paciência… Ótima resenha, bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *