Atacama: quando ir – e escapar das chuvas!

28 Flares 28 Flares ×

San Pedro de Atacama após a chuvaMinha viagem ao Deserto do Atacama me rendeu uma fama injusta. Só porque meu roteiro foi totalmente prejudicado por chuvas torrenciais as pessoas acham que viajar comigo dá azar. Dizem que eu levo chuva até para os locais mais improváveis, pode uma coisa dessas? Gente, isso é calúnia! Quem é que não sabe que chove no deserto? Para não dizerem que estou esperneando à toa, comprovarei com fatos que o deserto mais seco do mundo não é imune às chuvas como a gente pensa. Quer dizer, como vocês pensam, porque eu já senti na prática o poder das chuvas no Atacama.

 

San Pedro de Atacama após a chuva

Para começar, assumo que ele é mesmo o deserto mais árido do mundo. Algumas partes do Atacama nunca viram chuva ou ficam milhares de anos sem ver uma gota de água cair do céu, mas a gente tem que lembrar que ele é enorme (são mais de 100 mil km²) e, consequentemente, não é homogêneo. A região que os turistas visitam – San Pedro de Atacama e arredores – não é tão seca assim. Lá cai uma chuvinha ou outra de vez em quando, mas normalmente chuvas fracas, que não causam estragos. Nas regiões mais altas essa chuva vira neve, para a alegria dos turistas que podem presenciar esse fenômeno. Nós tivemos sorte de ver neve recente a caminho do Salar de Tara e a paisagem estava ainda mais linda.

Neve no Deserto do Atacama

A época em que a chuva é mais comum no Deserto do Atacama é durante o inverno altiplânico, também chamado por lá de inverno boliviano. Esse fenômeno climático que ocorre no norte da Cordilheira dos Andes, no período de dezembro a março, é causado pela umidade trazida da Floresta Amazônica e provoca chuvas na região. Eu não sou especialista no assunto e não sei se foi sempre assim ou se o Atacama também está sofrendo com alterações climáticas, só sei que nos últimos anos os problemas causados pela chuva em San Pedro se repetiram e prejudicaram o turismo por lá. Vamos aos dados da minha extensa pesquisa! O que eu fiz foi apenas procurar no Google por notícias de sites chilenos relacionadas às chuvas no Atacama de 2011 para cá. São poucos anos, mas para mim já seriam suficientes para me fazer repensar a época de uma viagem para lá.

Resumindo, em 4 dos últimos 5 anos as chuvas causaram estragos em San Pedro de Atacama e impossibilitaram total ou parcialmente o turismo em dias de fevereiro ou março. Encontrei relatos de alguns fenômenos raros em outras épocas, como uma nevasca em agosto de 2013  ou outra em maio de 2014, mas esses eu considero eventos imprevisíveis, não as chuvas durante o inverno altiplânico.

Chuva no Deserto do Atacama

O problema de enfrentar chuvas no Deserto do Atacama é que água e deserto não combinam. A região não tem recursos para enfrentar chuvas fortes e os problemas se agravam. Rios transbordam, estradas são interditadas, pessoas ficam desalojadas, áreas agrícolas são devastadas, a energia é interrompida, pode faltar água potável… Sem dúvida não é uma época boa para visitar o Atacama. Pelo que vi, esse período de chuvas fortes não costuma durar muito tempo, no máximo uma semana ou algo assim. O problema é quando essa semana acontece justamente durante a sua viagem! Foi o que aconteceu comigo e com  vários outros turistas que já tiveram o azar de estar no Atacama durante essa época. Mas não é difícil se precaver, é só tentar marcar sua viagem para o Atacama fora do inverno altiplânico.

San Pedro de Atacama após a chuva

Sempre que vejo algum dizendo que não há época ruim para visitar o Atacama eu fico me coçando não para corrigir, porque está claro que não é bem assim. Se você só puder viajar de dezembro a março, tudo bem, isso não quer dizer que você terá problemas. Na verdade pegar chuvas fortes é que é um baita azar, pois geralmente isso acontece em apenas uma semana do ano. Mas se você puder escolher outra época, não pense duas vezes e escolha um período de abril a novembro. Pra que arriscar? Ninguém quer marcar uma viagem e ver todos os seus planos irem literalmente por água abaixo, né? Eu amei o Atacama, mesmo tendo aproveitado tão pouco, e tenho planos de voltar, mas com certeza passarei bem longe do inverno altiplânico. =)

Para ler tudo o que foi publicado sobre o Atacama no Viaggiando, clique aqui.

28 Flares Twitter 2 Facebook 24 Google+ 2 28 Flares ×

Continue Viaggiando:

17 Comments

  1. Carla Portilho

    Eu fui ao Atacama em setembro, e foi uma época ótima! Peguei dias lindos de sol, com temperatura agradável de dia e o frio inevitável do deserto de noite… Quando fui, achei que era um daqueles destinos que a gente vai uma vez e pode dar por vistos – mas, passados quase 15 anos (eu não conhecia ninguém que tivesse ido ao Atacama quando eu fui…) me dá uma saudade danada a cada vez que vejo fotos…

    • Eu tenho a impressão de que setembro é um bom mês para viajar para quase o mundo todo. Só sei que quase todo ano marco férias em setembro. Acho que vai ser o mês escolhido para minha próxima viagem ao Atacama.

      • Carla Portilho

        Quando eu podia escolher a data das minhas férias só escolhia setembro. Acho que é uma época maravilhosa para todos os lugares!

  2. Chuva e turismo nunca ajuda né? Eu ando adorando o site do weatherspark:
    https://weatherspark.com/averages/33520/Calama-Antofagasta-Chile

    Usamos demais para planejar nossos 2 anos de viagem e conseguimos escapar razoavelmente bem dos períodos chuvosos.

    Carla, bom saber que setembro é uma época boa. Estamos pensando em ir exatamente nessa época.

    • Na última viagem tivemos muita sorte. Fomos para Armênia e Geórgia no mês considerado mais chuvoso e pegamos pouquíssima chuva. Pura sorte!

      • E como foi a viagem para lá? Gostaram? É um dos lugares que quero ir. Deve ser tão diferente para a gente.

        • Gostamos sim, Leonardo, mas não foi uma viagem fácil , por causa do transporte. Estilo Albânia, sabe? Tirando isso foi tudo ótimo. As capitais são super interessantes, foram minhas cidades preferidas nessa viagem.

  3. Bom saber dessa informação Camila, pois está nos meus planos!

  4. Eu fui em abril de 2013 e acho que escapei por pouco dos problemas descritos na reportagem que vc citou. Em abril todas as atrações estavam abertas (pelo menos as que eu planejei) e nem sinal de chuva. E a viagem era pra ser em março, mas teve que ser remarcada para abril.

  5. Fui em abril para Maio de 2014 e todos os dias foram perfeitos. Pena que perdi a neve no deserto, pois choveu um pouco um dia apenas e com o frio, se transformou em neve, em plena Vila de San pedro do atacama! Mas em compensação peguei muita neve no Valle Nevado, pois a chuva caiu mais forte por 2 dias na região de Santiago, enquanto estava em SPA.
    Recomendo conhecer a região, sem dúvida o lugar mais bonito que visitei! Abril e Maio são meses ótimos dá um calorzinho durante o dia e a noite chega a 0 graus. E nos lugares de altitude oscila entre 0 e 8.

  6. Marcia Ramos

    Bom, eu estive no Atacama em novembro de 2011 e os dias estiveram perfeitos. Creio que entre Setembro e novembro os dias estão firmes

  7. Alice Freitas

    Fui no inicio de junho deste ano e o clima estava ótimo. Sem chuvas, dias ensolarados e noites frias!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *