Punta del Este

0 Flares 0 Flares ×

Punta del Este Saímos pela manhã de La Paloma com destino a Punta del Este. A expectativa era grande, afinal quem nunca ouviu falar sobre o balneário mais famoso da América do Sul, paraíso de artistas e milionários? Pra falar a verdade eu achava que não iria gostar, que iria me sentir um peixe fora d’água, mas descobri que Punta é bem democrática e qualquer um que esteja lá consegue se divertir. Tudo realmente é bem luxuoso, bastar olhar para as mansões e para os barcos no porto, mas assistir ao paradisíaco pôr-do-sol de Punta del Este, passear por sua orla e bater perna na Avenida Gorlero não custam nada!

Punta del Este O primeiro passo foi nos instalarmos. Eu já havia pesquisado alguns hotéis na internet e escolhido o Petit Hotel. Ele parecia ser charmosinho, a localização era ótima e o preço também. Não nos decepcionamos. O hotel era bem arrumadinho e o dono nos atendia muito bem, até arriscando falar português. Estávamos a algumas quadras da avenida principal, perto de vários restaurantes e em frente a um supermercado. Check-in feito, direto pra praia! E nem precisamos do carro pra isso!

Punta del EsteComo o sol e eu não somos muito amigos, fiquei só embaixo do guarda-sol mesmo. Mas deu pra aproveitar um pouquinho. Depois de uma passadinha no hotel, fomos conhecer a avenida mais famosa da cidade: a Avenida Gorlero. Estávamos famintos e escolhemos o Il Mondo de La Pizza para “almoçar” às 5 da tarde. O restaurante é uma rede de fast food e uma ótima opção para quem quer economizar. Ainda leigos, pedimos um prato para cada um. Eu estava faminta, mas mesmo assim seria impossível comer sozinha a milanesa que eu pedi! (Nessa época eu ainda não era vegetariana…)

Punta del Este

Punta del Este

Depois de reposta a energia, hora de rumar para o porto, pois o sol não tardaria a desaparecer.

Punta del Este

Primeiro a gente fica lá observando todos os barcos voltando de seus passeios e nem vê o tempo passar…

Punta del EstePunta del EstePunta del Este

Ainda demos a sorte de ver uns “bichinhos” de perto. Na Isla de los Lobos, distante 10 km da costa, há uma das maiores colônias de lobos marinhos do mundo, onde vivem cerca de 160 mil lobos e 10 mil leões-marinhos. Como não fomos até a ilha, nos contentamos em encontrar esses dois no porto. Só não dava pra chegar muito perto, porque o cheiro deles não é muito agradável…

Punta del Este

Mais um minutinhos de espera e então a imagem que faz uma ida à Punta del Este valer muito a pena. O pôr-do-sol em Punta faz jus à fama que possui.

Punta del EstePunta del Este Punta del Este

Outro atração famosa em Punta del Este é La Mano, a mão gigante saindo da areia na Praia Brava, do chileno Mario Irarrázabal. Segundo o artista a obra representa “o trabalho do homem na natureza”. Pena que estava tão pichada…

Punta del Este

E, pra finalizar, a famosa pizza de metro uruguaia. Não tenho certeza, mas acho que esse restaurante era o La Pasiva, também na Gorlero.

Punta del Este

Ficamos só dois dias em Punta del este. Agora me arrependo de ter só passado por La Barra, de não ter ido a José Ignacio, de não ter conhecido a Casa Pueblo… Mesmo sabendo que eram absolutamente imperdíveis, não fiz nenhuma dessas coisas. Agora fica aquela sensação de que terei que voltar pra ver de novo aquele pôr do sol…

Veja todos os posts da nossa viagem por Uruguai e Argentina.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Continue Viaggiando:

13 Comments

  1. Nossa o Blog deu um adiantada hein. Vou ler o que você colocou.

  2. Olá Camila!!

    Adorei o que vc colocou no seu perfil!! Quem sabe um dia você não inverte a ordem das prioridades e a profissão de “turista” passa a ser a primeira? rsrs 🙂

    Adorei seu blog também, mais um lugar para eu viajar!! Que delícia Punta, hein? Já estive para ir aí duas vezes, mas sempre falharam… a última seria nos próximos 10 dias para fazer um cruzeiro, mas o danado esgotou-se desde agosto deste ano… mudei a rota, mas o cruzeiro continua na agenda para os próximos 10 dias!! 😀

    Pois é, a Estrada Real é tudo de bom, né? EU também adoro aquilo ali!! Sou de BH e tenho refeito ela aos finais de semana… cada dia vou para um lugar diferente… Ontem mesmo estive em Caeté e Serra da Piedade… lindo o lugar, ainda não conhecia… Ainda vou postar toda a série destas viagenzinhas…

    Bem, daqui há pouco meu comment vira uma bíblia! haha

    Bom te conhecer!! Bjo grande! 🙂

  3. World soul, meu sonho é poder unir a vontade de viajar ao trabalho. Quem sabe um dia, né? 🙂

    Nas minhas próximas férias estou pensando em percorrer toda a Estrada Real de carro. Por enquanto só conheço de Ouro Preto a Tiradentes e adoro!!! Queria estar como vc, perto de tantas cidades legais, pra se conhecer a cada fds!

    Beijo!

  4. Camila,

    Sempre falta alguma coisa. Mas isso é bom pois nos faz voltar ais uma vez e mais uma vez…

    Parabéns pelo Blog.
    Um abraço

  5. É verdade, Rodrigo! Quando gostamos de um lugar temos que voltar pra aproveitar melhor. E quando não gostamos pra ver que estávamos errados! 🙂

  6. Camila, acho Punta um paraíso. Conheci Punta em 2001 e tenho ido pelo menos uma vez por ano, como moro no sul isso fica um pouco mais fácil, moro a apenas 790 KM de Punta. Pode parecer exagero, mas escolhi Punta pra viver até o fim de meus dias, não vejo a hora em que poderei realizar o sonho de me mudar para lá.

  7. Oi, Alano! Se eu morasse no sul, eu iria querer ir ao ao Uruguai todo fim de semana! : ) Com certeza uma casa em Punta não seria nada mal… O país todo me encantou, adorei o clima, as pessoas, tudo!

  8. REALMENTE É MUITO BOM MORAR PERTO DO URUGUAI, ESTIVE EM PUNTA NO ÚLTIMO FERIADO, MORO EM RIO GRANDE, 450KM DE PUNTA.AS ESTRADAS SÃO ÓTIMAS, NÃO TEM NENHUM BURACO, NEM MOVIMENTO, FOMOS DENOITE E É BEM ILUMINADA.ADORO IR PARA LÁ, É OUTRO MUNDO, MANSÕES, CARRÕES, MUITA COMIDA DIFERENTE, ADORO O TIENDA INGLESA.

  9. Oi, Cristiane! Eu achei a estrada muito tranquila a partir de Rio Grande mesmo. Até a divisa acho que só cruzamos com um carro. 😉 Deve ser muito bom estar aí "pertinho" do Uruguai, país que eu adorei!

  10. camila, sou uruguaia e vou a punta desde pqueneninha, e gosto dessa visao q nao se centra no glamour, no conrad e tal, pq punta e democratica mesmo, eu por exemplo amo o mar, ir la pelo lado chic acho palhaçada. to indo pra la terça dia 7 por pouquinhos dias. nao perdeste taaanto com jose ignacio ou casa pueblo, mas valem a pena. ah, nao perde a lapataia, onde produzem o doce de leite mais gostoso do uruguay, beijos.
    cristianalbornoz@terra.com.br

  11. Cristiana, eu não experimentei o Lapataia, mas gostei de todos os doces de leite que comi no Uruguai! Os sorvetes então… Sinto saudades até hoje! 🙂

    Beijos!

  12. Fran Brighente

    O post é de novembro de 2017. VC foi pra lá nessa época?
    Estou indo pra punta em janeiro. Sera que é frio lá?
    Algumas pessoas me falaram que, por maos que seja verão, o clima lá é mais fresco, que não é igual as praias do Brasil.

    • Camila Navarro

      Fran, o post é de 2007! Fomos pra lá em março daquele ano. Depende da região brasileira com a qual você compara. Pense no verão do sul do Brasil. Claro que não será como no nordeste, mas frio provavelmente você não enfrentará nessa época.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *